Pensa-se que a Alheira de Mirandela foi criada no século XVI, com o objectivo de esconder e salvar judeus na região de Trás os Montes, numa altura em que os mesmos, eram queimados vivos pela Inquisição, que chegou formalmente a Portugal em 1536. Uma das formas de se descobrir os fugitivos, era perceber se os mesmos comiam, ou não, carne de porco, uma vez que a religião judaica proíbe o seu consumo. Para enganar os investigadores da Inquisição, os judeus de Mirandela criaram uma salsicha feita com pão e frango, que se assemelhava aos tradicionais chouriços e farinheiras com carne suína, tendo sido o seu resultado, a Alheira de Mirandela, a mais conhecida de Portugal.

Posteriormente, a carne de Porco, foi acrescentada à mesma receita. Existe igualmente quem defenda que o surgimento da alheira, esteja ligado a um outro factor, mais concretamente, ao ciclo de produção de fumeiros caseiros ou à necessidade de conservação das carnes dos diversos animais criados para consumo próprio. 

Em Setembro de 2011, a Alheira de Mirandela, foi reconhecida como um das 7 Maravilhas da Gastronomia de Portugal, pela organização com o mesmo nome, na categoria de Entrada.

 

Ingredientes:

 

Carne de porco

Galinha

Coelho

Vitela

Pão de trigo

Azeite

Alho

Colorau

Piripiri

Salsa e sal grosso,

Tripa seca de vitela ou porco.

 

Modo de Preparação:

 

Fazer a cozedura das carnes, temperar a gosto com sal grosso e azeite.

Depois de cozidas cortar parte da carne em pedaços e desfiar a restante.

Para um alguidar, miga-se o pão e rega-se com o caldo das carnes.

A seguir junta-se o alho bem moidos estrugidos em azeite, a salsa picada, o colorau e o piripiri, amassa-se até o pão estar bem batido.

Acrescentam-se por fim as carnes e enche-se a tripa.

 

Fonte: Câmara Municipal de Mirandela 

Alheira de Mirandela
0.00(0 votes)

Publicado Por Pratos da Região

Comentário (0)

Deixe Um Comentário